4

Doença de Irlen atinge uma a cada seis crianças

Confundida com a dislexia, doença de Irlen 
atinge uma a cada seis crianças.
             
                   


O ato de aprender é próprio do ser humano, porém a qualidade e a quantidade
dos novos saberes dependerão muito dos estímulos recebidos e principalmente
da eficácia de cada um deles. Grande parte desses fatores de influência são originários do meio social, no qual o indivíduo está inserido, porém há que se considerar limitações físicas
ou predisposições pessoais que cada um carrega em seu próprio código genético
(FONSECA, 2004).
Estima-se que cerca de 85% de tudo o que aprendemos ou assimilamos do
 ambiente, bem como o desenvolvimento normal sensorial e motor, dependem
 de nossas habilidades visuais nos primeiros seis meses de vida
(ATKINSON, 2000 e SHOR, 1989).
Visão, aprendizagem e a Síndrome de IrlenSão vários os transtornos, síndromes e déficits que
dificultam a aprendizagem, dentre os quais estão os
distúrbios de aprendizagem relacionados à visão, que
 correspondem a uma dificuldade na manutenção da
atenção, compreensão e memorização e à atividade
ocular durante a leitura, levando a um déficit de aprendizado.
 Tais distúrbios afetam indivíduos de todas as idades,
com inteligência normal ou superior à média e está
relacionada a uma desorganização no processamento cerebral das informações
recebidas pelo sistema visual. O esforço despendido nesse processamento,
torna a leitura mais lenta e segmentada, o que compromete a velocidade de
 cognição e a memorização.
Um desses distúrbios de aprendizagem relacionados à visão é a Síndrome
de Irlen (SI), que se caracteriza por dificuldades de processamento cerebral
das informações visuais, causadas pela sensibilidade a determinados
comprimentos de ondas de luz espectral visível ao olho humano (IRLEN, 1991).
Tal disfunção perceptual apresenta seis manifestações principais:
fotossensibilidade (sensibilidade aumentada a luz), desfocamento à leitura com
distorções visuais, restrição do campo visual periférico, dor de cabeça,
dificuldade de adaptação a contrastes e na manutenção da atenção. Alguns
sintomas físicos recorrentes são: lacrimejamento, coceira e ardência ocular,
esfregar os olhos constantemente, tampar/fazer sombra nos olhos enquanto lê,
apertar e piscar os olhos excessivamente, balançar ou tombar a cabeça, cansaço
após 10 a 15 minutos de leitura e leitura na penumbra.(GUIMARÃES, 2009)
A Síndrome de Irlen pode afetar além da leitura, outras áreas variadas da
vida do indivíduo. A sensibilidade à luz pode causar desde simples incômodos
 em determinados ambientes ou circunstâncias, até prejuízos em habilidades,
 tais como: prática de esporte com bola, coordenação motora fina e grossa,
 habilidades musicais, coordenação espaço temporal, dentre outras (IRLEN, 1991).
676205_36513730Um indivíduo mesmo que com a acuidade visual dentro dos padrões de normalidade (ou seja, enxergando bem) tem chances de ser portador da
 síndrome, já que se trata de uma disfunção da percepção e não uma patologia ligada diretamente aos olhos. Ela está relacionada a déficits na codificação e decodificação das informações visuais pelo sistema nervoso central
(AMEN, 2004). É necessário um diagnóstico diferencial por profissionais especializados, uma vez que não pode ser detectada através de exames
oftalmológicos de rotina, nem por testes padronizados para verificação de
dificuldades de aprendizagem (IRLEN, 1991).
De forma simplificada, a Síndrome de Irlen se manifesta da seguinte forma:

grafico


A população afetada pela Síndrome de Irlen se resume em 12-14% da população
geral, superdotados e bons leitores; 46% de indivíduos com déficits específicos
 de aprendizagem e leitura; 33% dos casos de TDA e TDAH, Dislexia e
comportamentais e 55% dos indivíduos com traumatismos cranianos,
concussões, lesão contragolpe, etc (GUIMARÃES, 2009).
Visão, aprendizagem e a Síndrome de IrlenO protocolo de diagnóstico da Síndrome de Irlen é
realizado através de uma abordagem multidisciplinar,
com contribuição de diversas áreas, como: oftalmologia,
psicologia, psicopedagogia, fonoaudiologia e terapia
ocupacional. Tal protocolo envolve entrega de questionários
 caracterização e habilidades acadêmicas, anamnese, exames
 oftamológicos específicos, screening (avaliação para constatação de distorções
 visuais no processo de leitura pela metodologia Irlen) e diagnóstico do padrão de
 leitura avisando intervenções psicopedagógicas, oftalmológicas, neurológicas, etc.
O Método Irlen de tratamento oferece aos portadores da Síndrome de Irlen
 diminuição da sintomatologia ou em alguns casos sua eliminação completa.
É válido ressaltar que não se trata de intervenção medicamentosa, nem invasiva,
 mas sim propõe dois tipos abordagem (IRLEN, 1991):
1. Uso de overlays – lâminas de sobreposição. Objetivos: proporcionar
conforto, nitidez, estabilidade e fluência durante a leitura. Tratamento proposto
pelo atual projeto.
2. Filtros de bloqueio espectral (em óculos ou lentes de contato) – prescrição
 exclusiva de oftalmologista.
Hoje o método Irlen de tratamento vem sendo utilizado em quarenta e dois
países e em mais de quatro mil instituições de ensino. Nos Estados Unidos
 uma resolução adotada em Julho de 2009, durante a Assembléia Geral de
NEA – National Education Association, que agrega aproximadamente 3 milhões
de trabalhadores na área da educação foi aprovada a proposta de que todos os
 seus membros sejam informados sobra a Síndrome de Irlen e seu tratamento.
Outros locais aonde os testes já vem sendo aplicados como de rotina são:
Austrália e Reino Unido (GUIMARÃES, 2009).
No Brasil, a Síndrome de Irlen é conhecida há apenas quatro anos através
de cursos oferecidos pela Fundação do Hospital de Olhos de Minas Gerais, em módulos teórico-práticos sobre a metodologia de diagnóstico e tratamento. A rede de profissionais capacitados é composta por cerca de 530 profissionais de diversas áreas da saúde e educação. Esses indivíduos capacitados são conhecidos como screeners em 16 estados brasileiros.

Visão, aprendizagem e a Síndrome de IrlenFonte: http://bluelogs.net/drexplica/artigos/visao-aprendizagem-e-a-sindrome-de-irlen/





A deficiência de aprendizado conhecida como Síndrome de Irlen ou Dislexia Perceptual de Leitura é um distúrbio oftamológico. Ele causa distorções visuais que interferem no processamento de letras, números e símbolos. Pessoas com síndrome de Irlen se cansam facilmente durante a leitura e têm dificuldade de compreensão. Professores e pais costumam confundir esse problema com preguiça ou falta de interesse das crianças em idade escolar. Mas, em alguns casos, a dificuldade para aprender pode estar associada à síndrome.

Pessoas com a doença têm a sensação de que as letras pulsam, tremem, vibram, confluem ou desaparecem no papel (observe no quadro abaixo os tipos de distorção visual mais frequentes). Muitas se queixam, além da dificuldade para ler, de insegurança ao dirigir e ao praticar esportes. A doença é hereditária, embora pais e filhos possam apresentar distorção visual de intensidades diferentes. Os sintomas mais comuns são intolerância à luz, dificuldade para manter o foco, alteração na percepção de profundidade, dores de cabeça e irritação nos olhos. Muitas pessoas não têm consciência do problema porque os sintomas parecemdepois de 10 minutos de leitura, o que os leva a pensar que as distorções são naturais, resultado da concentração.

Pessoas com a síndrome podem usar óculos com lentes coloridas, especialmente prescritas por oftalmologistas. Essas lentes corrigem as distorções visuais. Outra alternativa é usar transparências coloridas, também indicadas por um especialista, em cima do texto na hora de ler.

fonte: http://drcarlosrey.blogspot.com.br/2011_12_01_archive.html


1

Dia da Árvore


                


No dia 21 de setembro comemora-se o dia da árvore. Essa data foi escolhida em razão da chegada da primavera. Mas antes da escolha dessa data, acontecia no país, na última semana de março, a festa Anual das Árvores, instituída pelo presidente Castelo Branco, em 1965.
Mais adiante, a árvore ganhou um dia especial em virtude de sua importância para a vida humana e também com a chegada da primavera, onde ganham nova vida e abrem lindas flores que dão origem a novas árvores.
Com a chegada da primavera podemos ver as cidades mais alegres, pois essas se enchem de flores de todas as cores.
Muitos pensam que a árvore que simboliza o Brasil é o pau-brasil, em razão do nome, mas esse título cabe ao ipê-amarelo, uma das cores que representam o nosso país. O pau-brasil encontra-se em extinção, pois foi muito contrabandeado por ser uma madeira de cor avermelhada e de aparência nobre. Além dessa, o jacarandá, o mogno e o pinheiro também se encontram nas mesmas condições de extinção.
As árvores são plantas que possuem um caule lenhoso e são constituídas por raiz, caule, folha, flor, fruto e sementes. São elas que nos fornecem o ar que respiramos, além das frutas e outros tipos de alimentos; a madeira para construção de móveis, casas, objetos decorativos, cercas; também fornecem remédios; e a celulose, matéria-prima para a fabricação de papel.
Em face das necessidades dos homens em construir novas moradias e melhorar suas condições de vida, as árvores acabaram sendo alvo de destruição, pois grandes áreas foram desmatadas para a construção das cidades.
O contrabando de madeiras também fez com que grandes áreas fossem destruídas, principalmente na floresta amazônica, onde o acesso a outros países é mais fácil e próximo. Os prejuízos seriam menores se fossem plantadas novas árvores nos lugares das devastações, mas o tempo que levam para crescer é muito grande.
O homem precisa ter consciência de que as plantas também são seres vivos e que levam tempo para se desenvolverem. Uma árvore leva longos anos para ficar bem desenvolvida e algumas são tão velhas que são tombadas como patrimônio histórico, devendo ser preservadas.
Por Jussara de Barros
Graduada em Pedagogia

 Fonte:http://www.brasilescola.com/datacomemorativas/dia-da-arvore.htm

                                             Atividades













1

Datas Comemorativas de Outubro

         





                   05 de outubro - Dia Mundial dos Animais


DIA MUNDIAL DOS ANIMAIS

Dia Mundial dos Animais
Você sabe que dia é hoje?
Hoje é dia 4 de outubro, dia mundial dos animais. Mas você sabe por que o dia dos animais é comemorado nesta data?
É porque dia 4 de outubro também é dia de São Francisco de Assis, o santo protetor dos animais.





fonte:http://www.smartkids.com.br/datas-comemorativas/4-outubro-dia-dos-animais.html

O dia mundial do animal, 4 de Outubro, celebra-se desde 1930 em mais de 45 países. 
Neste dia os homenageados são os nossos amigos e companheiros animais. Não só devemos amar e respeitar os animais que vivem nas nossas casas, como também devemos reflectir e lembrarmo-nos dos muitos animais que sofrem às mãos humanas. 

Cães, gatos, aves, porcos, vacas, répteis, cabras, ovelhas são explorados sem que muitas vezes nos apercebamos. A melhor homenagem que podemos prestar a estas inocentes vítimas é transmitir a mais pessoas o que realmente acontece em laboratórios, matadouros, circos, rodeios, etc, para que elas boicotem o que estiver envolvido no sofrimento animal. Já pensaste no bom que seria no futuro festejar-se o dia do animal e já não existir a tortura massiva que faz parte da actualidade? Pensar que os animais já não eram explorados e que os seus direitos (proclamados pela UNESCO em 1978) eram devidamente respeitados? Utópico...? Pode ser um futuro próximo. E se gostas de animais, podes tomar uma parte activa e contribuir para que este futuro se aproxime.

Nos últimos anos, associações de defesa animal (como a LPDA - Liga Portuguesa dos Direitos dos Animais) têm organizado eventos e campanhas de adopção para comemorar o dia mundial do animal.


Origem do Dia do Animal 
Franciscus van Assisi nasceu em Assis velha cidade da Itália, situada na região da Úmbria em 26 de Setembro de 1182.
Passou por um período de doença na sua vida, a partir do qual decidiu passar a ajudar os mais carenciados. Franciscus amava os animais e protegia-os. Chegou a comprar pássaros engaiolados só para os ver voar de novo em liberdade.

Morreu a 4 de Outubro de 1226. Dois anos após a sua morte foi santificado.

Em 1929 no Congresso de Protecção Animal em Viena, Áustria, foi declarado o dia da morte de São Francisco de Assis como o Dia Mundial do Animal, por Francisco de Assis ser tão bondoso para os animais.

fonte:http://www.centrovegetariano.org/Article-320-Dia%2BMundial%2Bdo%2BAnimal.html




                 12 de Outubro - Dia da Criança



Dia das Crianças






O responsável pela criação do dia das crianças foi o deputado federal Galdino do Vale Filho, na década de 1920. Após ter sido aprovada pelos deputados, a data de 12 de Outubro foi oficializada pelo presidente Arthur Bernardes, através do decreto no 4867, de 5 de novembro de 1924.

A data só passou a ser celebrada somente na década de 1960, momento que a fábrica de Brinquedos Estrela decidiu fazer uma promoção em conjunto com a Johnson &Johnson, com o lançamento da “Semana do Bebê Robusto” que tinha por objetivo aumentar as vendas. Logo depois outras empresas decidiram criar a Semana da Criança com o mesmo intuito. No ano seguinte, os fabricantes de brinquedo decidiram escolher um único dia para a promoção. A partir daí, o dia 12 de Outubro passou a ser uma das datas mais importantes do ano para o ramo de brinquedos.

O dia das crianças é a segunda data mais importante para o comércio, perdendo somente para o Natal.

A organização das Nações Unidas (ONU) comemora o dia de todas as crianças do mundo em 20 de Novembro, data em que os países aprovaram a Declaração dos Direitos das Crianças.

No Japão, o dia é comemorado em 5 de Maio, para os meninos, com exposição de bonecos que lembram samurais, para as meninas a comemoração é no dia 3 de Março, com exposição de bonecas. A China também comemora no dia 5 de Maio.

Na Nova Zelândia a comemoração é no primeiro domingo de Março, diferencia-se de algumas comemorações por não ser um dia para presentes e sim um dia onde se passa tempo com a família, para rir e brincar.

Em Moçambique a celebração é no dia 1 de Junho, este foi instituído para assinalar o dia em que muitas crianças de pouca idade foram cruelmente assassinadas a sangue frio pelas forças nazistas em Junho de 1943.

Por Patrícia Lopes
Equipe Brasil Escola



                          Atividades com sucatas

Dia das Crianças Brinquedos Ecológicos Para-Quedas Atividades, Passatempos e Desenhos para Colorir - Smartkids



Dia das Crianças Brinquedos Ecológicos Tambor Atividades, Passatempos e Desenhos para Colorir - Smartkids


                     Confecção de brinquedos

Dia das Crianças Dominó Brinquedos Atividades, Passatempos e Desenhos para Colorir - Smartkids



Dia das Crianças Boneca de Papel Cinema Atividades, Passatempos e Desenhos para Colorir - Smartkids


fonte:http://www.smartkids.com.br/datas-comemorativas/12-outubro-dia-das-criancas.html

                                           Para colorir



















fonte:http://docemagiaemensinar.blogspot.com.br/2011/10/mais-atividades-para-o-projeto-dia-das.html


                              Direito da Criança
























fonte:http://ensinar-aprender.blogspot.com.br/2011/09/direitos-da-crianca-atividades-para-o.html













fonte:http://mundinhodacrianca.blogspot.com.br/2011/09/sugestao-de-atividades-para-o-dia-das.html

 
©2011 Juliana Hellen Por Templates Sal da Terra