0

Lev Semenovich Vygotsky - Sua história





 Lev Semenovich Vygotsky nasceu em17 de novembro de 1896.
   Maior parte de sua educação formal não foi realizada na escola, mas sim em casa, por meio de tutores particulares. Apenas aos 15 anos ingressou num colégio privado, onde frequentou os dois últimos anos do curso secundário, formando-se em 1913.Ingressou, então, na Universidade de Moscou, fazendo o curso de Direito e formando-se em 1917.
  Lev Vygotsky trabalhou, também na área chamada "pedologia"( ciência da criança, que integra os aspectos biológicos, psicológicos e antropológos). Ele considerava essa disciplina como sendo a ciência básica do desenvolvimento humano, uma síntese das diferentes disciplinas que estudam a criança.
  Criou um laboratório de psicologia na escola de formação de professores de Gomel e participou da criação do Instituto de Deficiências, em Moscou.
   Sua morte prematura (37 anos), juntamente com o enorme volume de sua produção intelectual, marcou, de certa forma, o estilo de seus textos escritos: são textos densos, cheios de ideias, numa mistura de reflexões filosóficas, imagens literárias, proposições gerais. Também devido a sua enfermidade, muitos dos textos de Vygotsky não foram originalmente produzidos na forma escrita; foram criados oralmente e ditados a outra pessoa que os copiava, ou anotados taquigraficamente durante suas aulas ou conferências.
   Essa nova abordagem para a psicologia fica explícita em três ideias centrais que podemos considerar como sendo os "pilares" básicos do pensamento de Vygotsky:

  • as funções psicológicas têm um suporte biológico, pois são produtos da atividade cerebral;
  • o funcionamento psicológico fundamenta-se nas relações sociais entre o indivíduo e o mundo exterior, as quais desenvolvem-se num processo histórico;
  • a relação homem/ mundo é uma relação mediada por sistemas simbólicos.
   Vygotsky dedicou-se, principalmente, ao estudo daquilo que chamamos de funções psicológicas superiores ou processos mentais superiores. Isto é, interessou-se por compreender os mecanismos psicológicos mais sofisticados, mais complexos, que são típicos do ser humano e que envolvem o controle consciente do comportamento, a ação intencional e a liberdade do indivíduo em relação às características do momento e do espaço presentes.
       Um conceito central para a compreensão das concepções Vygotskyanas sobre o funcionamento psicológico é o conceito de mediação. Mediação, em termos genéricos, é o processo de intervenção de um elemento intermediário numa relação; a relação deixa, então, de ser direta e passa a ser mediada por esse elemento.
       Vygotsky trabalhava, com a noção de que a relação do ghomem com o mundo não é uma relação direta,mas, fundamentalmente, uma relação mediada. As funções psicológicas superiores apresentam  uma estrutura tal que entre o homem e o mundo real existem mediadores, ferramentas auxiliares da atividade humana.
       O instrumento é um elemento interposto entre trabalhador e o objeto de seu trabalho, ampliando as possibilidades de transformação da natureza.
       O signo age como um instrumento da atividade psicológica de maneira analógica ao papel de um instrumento no trabalho.
       Ao longo do processo de desenvolvimento, o indivíduo deixa de necessitar de marcas externas e passa a utilizar signos internos, isto é, representações mentais que substituem os objetos do mundo real. As representações mentais da realidade exterior são, na verdade, os principais mediadores a serem considerados na relação do homem com o mundo.
       Vygotsky trabalha com duas funções básicas da linguagem. A principal função é a de intercâmbio social: é para se comunicar com seus semelhantes que o homem cria e utiliza os sistemas de linguagem.
      A segunda função da linguagem: a de pensamento generalizante. A linguagem ordena o real, agrupando todas as ocorrências de uma mesma classe de objetos, eventos,situações,sob uma mensagem categoria conceitual.

    Fonte: Vygotsky Aprendizado e desenvolvimento
    Autora: Marta Khol de Oliveira    Ed. Scipione

    0 comentários:

     
    ©2011 Juliana Hellen Por Templates Sal da Terra